Unesco discute causas do afastamento de jovens da Engenharia

Buenos Aires, 21 de outubro de 2010

O papel da Engenharia, para o desenvolvimento mundial e sua importância para o cumprimento das Metas do Milênio foi destacado pela presidente da Federação Mundial de Associações de Engenharia, Maria Jesus Prieto Laffargue da Espanha, durante o Congresso Mundial de Engenharia, realizado de 18 a 20 deste mês, em Buenos Aires, Argentina. Ela fez um destaque especial para a necessidade da formação de qualidade dos futuros profissionais.
 
Já a maior compreensão do mundo político (Executivo e Legislativo) para o papel da engenharia, foi apontada por Tony Marjoram, engenheiro responsável pelo Programa de Ciências e Engenharia da UNESCO, também como uma necessidade. Ele também ressaltou o crescimento da participação das mulheres nas diversas áreas de atuação da engenharia. Alertou ainda que o número de jovens interessados nas carreiras de engenharia tem diminuído proporcionalmente ao longo dos anos e acredita que este fato esta relacionado, além da dificuldade do curso, a imagem negativa da engenharia, relacionada muitas vezes a agressão ao meio ambiente, desastres e corrupção.
 
Na opinião de Conrado Bauer, diretor acadêmico do Congresso, os engenheiros devem liderar o desenvolvimento mundial, focando na eliminação das desigualdades entre os homens, das desigualdades regionais dentro das nações e das enormes desigualdades existentes entre os países.
 
O Congresso Mundial de Engenharia 2010 teve início no dia 18, na Argentina, com a participação de aproximadamente 1500 profissionais e estudantes. Profissionais de todos os continentes discutiram o tema “Tecnologia, Inovação e Redução para o Desenvolvimento Sustentável”.
 
O Sistema Confea/Crea foi representado pelo presidente do Confea Marcos Tulio de Melo, os Conselheiros Federais, Kleber dos Santos, Ary Romcy. Maria Luiza Pocci. Gracio Paulo e José Cícero, além dos presidentes do Crea-Ce, Antonio Salvador, do Crea-DF, Francisco Machado, do Crea-PE, José Mário Cavalcanti, pelos representantes do Colegio de Entidades Nacionais, Josevan Fudoli, Liberalino de Souza, presidente da Fenemi e pelos estudantes Diana Melo e Leandro Juste, representantes do Crea-Jr.
 
Participaram também diversas outras lideranças brasileiras e estudantes das delegações da Federação Brasileira de Associações de Engenharia – Febrae, dos Creas de Pernambuco, Bahia, São Paulo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, dentre outros.
 
Assessoria de Comunicação do Confea