Crea-PE participa de audiência pública para discutir recuperação das orlas da RMR

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), representado pelo superintendente em exercício Roberto Arrais, participou, na manhã de hoje (10), no Centro de Convenções de Pernambuco, auditório Tabocas, de uma audiência pública promovida pela Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) para discutir a recuperação das orlas marítimas dos municípios de Jaboatão, Recife, Olinda e do Paulista. O Relatório de Impacto Ambiental (Rima), desenvolvido pelo Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP), com detalhes sobre as obras a serem executas, está disponível no portal da Agência – http://www.cprh.pe.gov.br/.

O projeto é uma iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), e integra a política pública de controle dos efeitos causados pelas mudanças climáticas. Será limitado ao Sul pela foz do rio Jaboatão, e ao Norte, pela foz do rio Timbó.

De acordo com o Rima, a erosão costeira é uma reação da natureza à urbanização. No litoral pernambucano, os processos erosivos são evidentes ao longo da costa. Por isso, houve investimento em alternativas como pedras com função de quebra-mar, diques, espigões e muros de proteção.  No entanto, com o tempo, estas soluções mostraram-se economicamente inviáveis, pois alteraram a dinâmica sedimentar, comprometeram a estética do local, interferiram na visão cênica e em seu valor econômico.

A audiência pública é uma etapa obrigatória do processo de licenciamento ambiental, e se destina a ouvir a coletividade sobre o empreendimento a ser licenciado. De 28 de março a 09 de abril, uma equipe de mobilizadores sociais vai percorrer os quatro municípios diretamente afetados pelo projeto. O objetivo é a divulgação da audiência junto à população, bem como a diversos segmentos, a exemplo de prefeituras municipais, secretarias de Meio Ambiente e Organizações Não-Governamentais (ONGs), entre outros órgãos.

Com informações do Núcleo de Comunicação Social e Educação Ambiental/CPRH