Salgueiro sedia o 1° Seminário Riquezas e Oportunidades do Semiárido

Em meio as comemorações do Dia Mundial da Água, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE) promove o debate sobre a questão hídrica do Sertão no 1° Seminário sobre Riquezas e Oportunidades no Semiárido. Realizado nos dias 24 e 25 de março, no auditório do Hotel Imperador, localizado no município de Salgueiro, a 518 km do Recife, o evento vai promover a troca de informações entre especialistas e profissionais do Sistema Confea/Crea e Mútua, além de destacar as potencialidades dos Região . A expectativa é de que o evento reúna mais de 200 profissionais, além de 50 vagas destinadas a estudantes. 

O presidente do Crea-PE, Evandro Alencar, destaca a importância de discutir as questões pertinentes ao Interior do Estado. “O encontro não é para debater os problemas, mas sim para sugerir soluções. O Semiárido é uma Região rica e com diversas oportunidades, precisamos apenas pensar em como melhor aproveitá-las”, destacou Alencar.  Ele ainda destacou que eventos como o que irá acontecer na cidade de Salgueiro já estão sendo planejados para outras Regiões do Estado. “O Seminário Riquezas e Oportunidades vai passar por outros locais para discutir temas pertinentes a cada região. Vamos debater Energia, Alimentos, Água, entre outros. As próximas cidades que deverão receber o evento são Araripina, Arcoverde, Caruaru, Serra Talhada e Petrolina”, destacou o presidente.

A abertura do encontro será com uma palestra do presidente do Crea-PE sobre o Sistema Confea/Crea e Mútua. Na ocasião, Evandro Alencar falará sobre a importância das Inspetorias Regionais do Conselho, além de apresentar os inspetores da cidade de Salgueiro. Em seguida, será feita a apresentação do primeiro Caderno da Série Semiárido – Riquezas e Oportunidades, produzido pelo professor Waldir Duarte Costa no fim do ano passado. A publicação faz parte do projeto idealizado pelo engenheiro civil Mário Antonino, que pretende apresentar estudos técnicos sobre as potencialidades da Região. O material é uma parceria entre o Crea-PE e a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). 

De acordo com o idealizador dos ensaios técnicos, Mário Antonino, a publicação é uma satisfação, um sonho realizado.  “Sou do Cariri da Paraíba  e sempre fui incomodado com a seca e essa visão que a mídia passa dela. Não acredito que o nordestino seja coitadinho por causa da seca. Essa é a visão do Sul e Sudeste”, destacou Antonino. Segundo o especialista, a seca é um fenômeno cíclico e por essa razão o que precisa ser feito é aprender a conviver com a estiagem. 

“Não temos como acabar com a seca. Todos os anos ela irá chegar. Precisamos estar preparados”, diz o especialista. “Para cada assunto que vamos tratar – e são diversos temas relacionados, nós vamos focar em uma preocupação. Vale lembrar que a falta da água não é justificativa para a pobreza. Vamos mostrar a capacidade e a força de transformação da Engenharia e das profissões relacionadas”, finaliza Antonino.

O presidente do Crea-PE, Evandro Alencar, compartilha com a opinião de Mário Antonino. “Sou do Sertão. Sei do que o professor Mário está falando. Antes de assumir o Crea-PE, eu já tinha essa vontade de promover debates de temas importantes para minha profissão, minha região e meu estado. Agora, como presidente do Conselho, eu juntei a ideia do professor com a vontade de fazer mais e melhor por todos os profissionais que compõem o Crea-PE e pela sociedade que precisa do poder de transformação das profissões do Sistema”, finaliza. 

No dia 25, o encontro começa com a palestra do professor e geólogo Waldir Duarte Costa, a partir das 8h30. Ele irá falar sobre “Ocorrência, Distribuição e Captação da Água Subterrânea. Em seguida, o professor e engenheiro civil Mário Antonino ministra palestra com o tema “Cadernos do Semiárido: a Convivência com a Seca”. Para finalizar o evento, o convidado é o diretor presidente da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), Marcelo Cauás Asfora.

 

Programação:  

1º DIA – 24/03/2015:

18h  – Credenciamento;

19h  – Abertura solene, com autoridades e especialistas;

19h45 – Palestra sobre o Sistema Confea/Crea e Mútua, com apresentação das Inspetorias e posse de Inspetores;

20h45  – Apresentação do 1º e lançamento do 2º Caderno do Semiárido;

21h  – Coquetel de confraternização em Comemoração a Semana da Água, alusiva ao Dia Internacional da Água – 22 de Março

 

2º DIA – 25/03/2015:

08h30  – Palestra –“Ocorrência, Distribuição e Captação da Água Subterrânea” – Prof. Dr. geólogo Waldir Duarte Costa – Rotary/ABC

09h30  – Palestra – “Cadernos do Semiárido: a Convivência com a Seca” – Dr. engenheiro civil Mário Oliveira Antonino – Rotary

10h30  – Intervalo para café

11h – Palestra – Dr. Marcelo Cauás Asfora – (Apac).

Rui Gonçalves

ASC do Crea-PE