Confea e CAU avançam para reduzir terreno de sombreamento profissional

Em busca de equilíbrio entre algumas atividades profissionais exercidas por engenheiros e arquitetos, representantes do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) e do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU) se reuniram nos dias 5 e 6 de abril, em Brasília. Esta foi a terceira reunião realizada neste ano entre a Comissão Temática de Harmonização Interconselhos (CTHI) e a Comissão Temática de Harmonização do Exercício Profissional (CTHEP),  que, respectivamente, agrupam representantes das duas entidades de regulamentação profissional.

Carga horária, nível de conhecimento, mercado de trabalho permeiam os cálculos que devem gerar uma equação que encontre o equilíbrio desejado na relação entre engenheiros e arquitetos,  que disputam entre si 7% do mercado da construção civil no País, enquanto os 93% restantes têm os proprietários ou mestres de obra à frente de obras, sejam em construções ou reformas.

Do Confea