Parabéns do Crea-PE a todos os Técnicos Agrícolas

Hoje, 5 de novembro, comemora-se o Dia Nacional do Técnico Agrícola, data instituída pela Lei 13.099/2015. O exercício profissional da categoria é disposto pela Lei nº 5.524/1968, que 17 anos depois foi regulamentada pelo Decreto nº 90.922/1985. A profissão completa 108 anos neste ano. A primeira turma de técnicos agrícolas foi formada em 1910, na cidade de Viamão, no Rio Grande do Sul. As atribuições dos técnicos agrícolas e suas respectivas modalidades estão definidas no artigo 6º do Decreto nº 90.922/85.

O técnico agrícola é responsável pela elaboração e monitoramento dos programas higiênicos e sanitários na produção animal, vegetal e agroindustrial. Também planeja e acompanha a colheita e o processo de produção, responsabilizando-se pelo armazenamento, conservação, comercialização e industrialização dos produtos agropecuários.

Importância da categoria

A participação dos técnicos agrícolas é de grande importância no desempenho da agropecuária brasileira, que é uma referência mundial na produtividade de diversas áreas do agronegócio, como a soja, avicultura, bovinocultura e suinocultura, entres outras que são fundamentais para o desenvolvimento setorial do País.

De acordo com pesquisas, a importância dos Técnicos Agrícolas explica porque o Brasil está entre um dos maiores produtores agrícolas e pecuários do mundo.  A presença dos profissionais em todas as comunidades agrícolas brasileiras garante ao produtor rural acesso à assistência técnica com o conhecimento de novas tecnologias, fundamentais para o aumento da produção e principalmente do crescimento da produtividade da agricultura brasileira. Este diferencial proporciona renda ao produtor rural e melhoria na qualidade de vida, e, como consequência, sua fixação no campo.