Parcerias do Crea-PE geram mais oportunidades a profissionais e estudantes

O Crea Orienta transmitido na quinta-feira (02.06), pelo canal do Conselho no Instagram via live, teve como tema os Benefícios das Parcerias para os Profissionais. Nessa área, o principal nicho, é Educação e Capacitação profissional, com descontos variando de 10 a 62% no segmento, gerando mais de R$ 800 mil em ganhos indiretos, conforme a assessora de Convênios e Parcerias do Conselho, Tecnóloga em Gestão Ambiental, colaboradora Maristela Portela.

Juntamente com o presidente do Crea-PE, Evandro Alencar, que atuou como mediador, a palestrante falou em detalhes sobre Projetos de Parcerias, formas de acesso e os benefícios que estão sendo viabilizados para os profissionais e estudantes ligados ao Crea-PE.

“O trabalho em Parcerias passou por uma reestruturação no início de 2018, quando elaboramos um planejamento estratégico específico para a área. Remodelamos o site, inovando no espaço das Parcerias, fomos em busca de novos parceiros e o sucesso foi chegando com o apoio da gestão, da chefe de Gabinete, à época Marcella Guimaraes e agora com o apoio de Rose Maria Moraes, que assumiu a Gerência de Políticas Institucionais (GPI). Começamos esse trabalho com 4 parcerias, 2 anos depois, alcançamos a marca de 80 parceiros que fazem parte desse projeto conosco. Essa é uma marca de sucesso provando que o Crea-PE está conseguindo alcançar os do projeto “, comemorou a colaboradora.

Em seguida, Maristela explicou que, para facilitar a busca, as parcerias foram divididas em 05 nichos: Educação e Capacitação Profissional; Serviços e Gastronomia; Tecnologia, Emprego e Renda; Saúde e Meio Ambiente e; Institucional e Fiscalização.

A palestrante destacou como nicho principal, Educação e Capacitação Profissional. Das 80 parcerias firmadas, a assessora informou que 34 são desse segmento, explicando que a gestão considera de grande importância a busca de meios que facilitem a capacitação dos profissionais do Sistema e gerem oportunidades de trabalho e renda. “Nessa modalidade, os descontos concedidos pelos parceiros variam de 10% a 62%”, repetindo informação inicial. Também destacou que além de descontos, as parcerias também garantem bolsas integrais de estudo que já proporcionaram oportunidades de capacitação gratuitas para mais de 100 profissionais, servidores, estudantes e dependentes. De janeiro de 2019 a maio de 2020 mais de 1 mil profissionais foram beneficiados com descontos nos cursos oferecidos pelos nossos parceiros (MBI, especializações e cursos rápidos) ”, informou.

A soma dos valores das bolsas e dos descontos concedidos na área de educação, alcançou o montante de aproximadamente R$ 870 mil em recursos que devem ser considerados como ganhos indiretos para os beneficiários.

Para responder ao presidente sobre qual o caminho para se ter a mensuração dos ganhos nas parcerias dos outros nichos, Portela explicou que o Conselho está finalizando um processo para adquirir um software que vai facilitar a gestão das parcerias. “Quando estiver funcionando, o profissional vai poder acessar o site, escolher o parceiro e imprimir um cupom digital. Com ele, o profissional vai se dirigir ao parceiro fazer a compra, contratar serviço, obter o desconto ou outro benefício. A partir daí o parceiro, vai cadastrar a informação contida no cupom diretamente no nosso sistema” detalhou a tecnóloga.

Após essas informações, o presidente fez uma reflexão sobre o pleito de anuidade zero, feito pelos profissionais. “Essas parcerias, muitas vezes, valem muito mais do que o valor da anuidade. Por exemplo, na parceria com a Toyolex, é concedido desconto de 5% no valor final do veículo o que, em média, será equivalente a bem mais que cinco anuidades”, calculou Alencar.

A palestrante ressaltou que na área de saúde, o destaque é para a parceria que possibilita a adesão de plano de saúde individual, o que dificilmente vem sendo praticado pelo mercado, com vantagem de preço especial. Na área de meio ambiente a parceria com a Asa Indústria, que tem um projeto para recolhimento de óleo de fritura para reciclagem e reutilização, foi autorizada a utilizar espaços na sede, em escritório e Inspetorias os coletores de óleo. Assim, servem de apoio para o projeto que tem parte do recurso doado ao Instituto Materno Infantil (IMIP), o que caracteriza a participação do Crea-PE em projeto social.

Já no nicho de Serviço e Gastronomia há mais empresas como restaurantes, hotéis, empresas de turismo e viagens, cosméticos, moda, seguros, com destaque para a Toyolex Veículos, que além do desconto de 5%, também ajuda em várias iniciativas, Azul Viagens, Restaurante Villa Sandino, o Boticário do Sertão e a loja de artigos masculinos, La Camiceria.

Sobre Tecnologia Emprego e Renda, a palestrante disse que já se juntaram ao Crea-PE empresas que atuam em consultoria previdenciária, contabilidade, certificados digitais, tecnologia e investimentos, com destaque para IENG, que tenta unir numa plataforma própria, quem precisa de projetistas e quem precisa de projetos, entre outros.

Sebrae e Porto Digital –  A expectativa da assessora é de que essas parcerias firmadas neste ano, trarão muitos benefícios. O Porto Digital irá ajudar o Crea-PE na realização do Prêmio de Inovação Tecnológica e quem for do Crea terá facilidades no Programa de Incubação e ingresso da empresa no Porto Digital.  Já no Sebrae os serviços para profissionais do Crea-PE estão tendo descontos que variam entre 10% e 20%.

O nicho Institucional envolve  parcerias que somam esforços no sentido de facilitar as ações de Fiscalização já que há troca de dados entre as instituições.  Entre elas, Maristela Portela destacou a parceria com a Celpe, prefeituras, Tribunal de Contas do Estado, Crea-BA e a CPRH, informações do banco de dados dos órgãos facilitam a identificação das infrações de forma mais assertiva.

O presidente lembrou que é importante o profissional acessar o site do Crea-PE e conhecer melhor o que é realizado no órgão. Perguntada sobre os ganhos diretos, Maristela Portela disse que são os descontos, mas, que indiretamente, há também o item segurança já que as parcerias só são celebradas com empresas que comprovem idoneidade e regularidade.

Muitos parceiros acompanharam a Live, confirmando o quanto a atuação conjunta com o Crea-PE tem sido produtiva.

Para ser parceiro do Crea, recomenda contactar o setor de Parcerias, através de e-mail ([email protected]) e apresentar solicitação para alinhar documentações de forma simples e transparente. A partir daí o processo se inicia dando a oportunidade de todos os parceiros se colocarem na vitrine dos 35 mil profissionais registrados no Crea-PE, além de contar com os espaços de mídia que o Conselho disponibiliza para divulgar o produto dos parceiros.

Informou ainda que todos os estudantes associados ao Crea-Jr/PE podem ser beneficiários com direto aos produtos oferecidos por todos os parceiros.

Mais informações, acesse: https://www.creape.org.br/parcerias/