Home > Arquivo > Crea-PE apoia entidades profissionais na promoção de ensino à distância

Crea-PE apoia entidades profissionais na promoção de ensino à distância

O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), José Mário Cavalcanti, convidou presidentes de sete entidades profissionais do Sistema Confea/Crea para participar, na noite de ontem (05.09), de uma reunião, onde foi apresentada uma proposta para elas oferecerem, junto à empresa Teleport, cursos de extensão à distância. De acordo com José Mário, a ideia exposta garante a valorização e a capacitação profissional e o fortalecimento das entidades. José Mário assegurou ainda que continuará esse trabalho de apoio com as outras entidades em breve.

Neste primeiro momento, participaram os presidentes da Associação Brasileira de Engenheiros Civis de Pernambuco (Abenc-PE), Marcos Maciel, da Associação dos Geólogos de Pernambuco (AGP), Antônio Christino, da Associação Nordestino Brasileira de Engenharia de Minas (Anbem), José Amaro Sereno, da Associação Pernambucana de Engenheiros Florestais (Apeef), José Roberto, do Instituto Pernambucano de Avaliações e Perícias de Engenheiros (Ipeape), José Américo de Miranda, e o presidente do Sindicato dos Técnicos de Pernambuco (Sintec), Jessé Lira. As entidades terão a missão de montar a grade curricular e selecionar os professores, conforme a demanda do mercado.  

A proposta idealizada pelo Conselho e pela Teleport beneficiará os profissionais do Sistema que desejam se capacitar, principalmente, os do interior do estado, pois garantirá que eles de suas residências ou dos polos educacionais da Teleport assistam aulas de extensão, reduzindo custo, tempo de deslocamento e conforto. O aluno poderá assistir às aulas ao vivo pela televisão via satélite ou via web com a possibilidade de interação com o professor em tempo real, como se ele estivesse fisicamente presente ou assiste as aulas gravadas, através de mensagens enviadas por chat do programa da empresa.

“O processo de transmissão de conhecimento está evoluindo, por isso precisamos evoluir também. Essa é uma oportunidade importante de pensarmos na forma de utilizar a tecnologia para difundir a educação”, defendeu José Mário Cavalcanti.

O presidente da Teleport, Gildo Neves Baptista Jr., informou que as transmissões via satélite alcançam todos os países da América Latina. Questionado sobre a possibilidade de uma pessoa se conectar ao programa e depois não assistir as aulas, Gildo explicou que, após todas as aulas, os professores passam exercícios que devem ser respondidos no prazo de 10 dias, somente após o envio dos mesmos é que se contabiliza a presença do aluno. Depois das explicações, o grupo foi conhecer as estruturas da TV, onde são transmitidas as aulas.

Kele Gualberto
ASC do Crea-PE

Check Also

Força tarefa do Crea-PE percorre Araripina e cidades vizinhas na Fiscalização Dirigida até a sexta-feira

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), está realizando Fiscalizações Dirigidas, presencialmente …