Crea-PE

Sistema Confea/Crea/Mútua renova convênio de desconto com a ABNT

Profissionais da engenharia, agronomia e geociências podem ter acesso ao banco de dados da associação com abatimento de até 66% nos valores praticados

Uma boa notícia aos profissionais da Engenharia, Agronomia e Geociências. Foi renovado o convênio entre o Sistema Confea/Crea/Mútua com a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). É possível ter acesso às normas com descontos expressivos, bem como a gratuidade em alguns casos.

Os descontos estabelecidos são de 66% para o download das normas técnicas em relação ao valor comercial praticado pela ABNT e 50% para seus cursos. No caso de normas citadas por legislação federal, os profissionais têm acesso gratuito. É importante destacar que a gratuidade só é aplicada quando envolve leis federais. Não vale para normativos inferiores, a exemplo de decretos, bem como não se aplica a leis estaduais ou municipais.

“Concluímos o acordo com a ABNT e foi assinado o contrato, agora disponibilizado dentro das cláusulas contratuais que foram possíveis de benefícios para os profissionais. Vamos criar todos os caminhos para que as normas cheguem para os profissionais com a máxima velocidade possível”, adiantou o presidente do Crea-PE, Adriano Lucena.

Na sua avaliação, o convênio é de fundamental importância para a atividade dos profissionais no dia a dia. “O acesso às normas é crucial para que o profissional consiga realizar seu trabalho com precisão e sabendo o que está fazendo e como fazer. Cabe ao Crea fazer essa ponte entre a ABNT e os profissionais”, assegurou Lucena.

Uma mudança que vai beneficiar ainda mais os profissionais é o tempo de consulta. Agora, é possível visualizar a norma por até uma hora, gratuitamente. Antes, esse tempo era de apenas 10 minutos. O pagamento só será efetuado caso o profissional opte por ter acesso à norma, via download. O acordo vale para o acervo do banco de dados da ABNTColeção e da Associação Mercosul de Normalização (AMN).

Na prática, o contrato firmado no último Colégio de Presidentes, realizado entre 21 e 23 de setembro, em Aracaju, prevê acesso à consulta com visualização ilimitada, download no formato pdf seguro. Também pode ser feita impressão de texto completo ou parte da norma e visualização por tempo determinado das normas técnicas dos principais organismos de normalização mundiais. São cerca de 250 mil documentos no acervo, além de acesso gratuito às normas técnicas citadas em legislação federal.

Para o profissional ter acesso ao convênio com o CREA/MUTUA, ele deve acessar o link abaixo:
Através deste convênio o profissional tem um desconto de 66% na aquisição da norma, bem, como a pré-visualização da mesma por um tempo definido no convênio.

É necessário destacar que o acordo contempla os profissionais regularmente inscritos no Sistema Confea/Crea e Mútua. Outro benefício a ser oferecido é que a ABNT garantirá prioridade a profissionais indicados pelo sistema na contratação de novos auditores para a certificadora da ABNT, instrutores para cursos e profissionais para desenvolvimento de normas ABNT NBR comentadas.

Com 80 anos de serviços ao País, a ABNT elabora normas técnicas brasileiras, representando o País nos foros sub-regionais, regionais e internacionais de normalização técnica. Sua atuação beneficia todas as modalidades das engenharias, agronomia e geociências.

A ABNT tem como finalidade elaborar normas técnicas e fomentar seu uso nos campos científico, técnico, industrial, comercial, agrícola e correlatos. O intuito é manter essas normas atualizadas, possibilitando uma melhor experiência técnica e em trabalhos de laboratório. Também intermedia, junto aos poderes públicos, os interesses da sociedade civil sobre assuntos de normalização técnica, contribuindo para o desenvolvimento científico e tecnológico, bem como a proteção do meio ambiente, defesa do consumidor e para inovação.

Pular para o conteúdo