Capa > Destaque > Ataque cardíaco mata o engenheiro civil José Pinheiro Marques

Ataque cardíaco mata o engenheiro civil José Pinheiro Marques

O Confea e todo o Sistema Confea/Crea e Mútua lamentam o falecimento, aos 71 anos, do engenheiro civil José Pinheiro Marques, ocorrido na manhã ontem, 2ª feira, 27/01, em São Luis (MA),  motivado por um ataque cardíaco fulminante.

Ao se manifestar, o presidente do Confea, Joel Krüger, também engenheiro civil destacou “a forte liderança exercida por Pinheiro no Maranhão e no Nordeste”. Krüger lembrou da trajetória de Pinheiro que foi conselheiro e presidente do Crea-MA, e atualmente ocupava uma cadeira na diretoria da Mútua.

Em 2003, quando pela 2ª vez tomou posse como presidente eleito do Crea-MA o eng. civil José Pinheiro Marques, eram os tempos de defender a aprovação do Estatuto das Cidades e da campanha Acessibilidade para Todos. Nessa defesa, Pinheiro Marques atuou com destaque. Ele também defendeu aumentar as inspetorias do Crea pelo Estado, capacitar seu pessoal para atender melhor profissionais e sociedade em geral, e realizar vistorias preventivas em locais público visando proteger a população, além de ter sido um defensor da conservação das rodovias e do Patrimônio Histórico e Arquitetônico do Maranhão.

Durante todo o mandato que durou até 2005, Pinheiro Marques contou com o apoio do Confea e em 2004 sediou a Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia, a 63ª Soea.

Em 2005, foi homenageado com a “Medalha do Mérito Legislativo Manoel Bequimão”, pela Assembleia Legislativa de São Luis que reconheceu seu trabalho como responsável técnico em diversas obras de porte relevante como a construção do Campus Universitário Paulo VI da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), onde foi professor por 32 anos nos cursos de Engenharia Civil e Mecânica. Durante a homenagem, foi destacada sua militância profissional junto ao Sindicato das Indústrias da Construção Civil.

Sua contribuição à implantação da Fábrica de Alumínio em São Luís e pelos trabalhos realizados no campus universitário, também foi reconhecida.

Nascido em 31 de janeiro de 1948, formado em engenharia civil em 1973, pela Uema, especializado em Engenharia de Trânsito e pós-graduado em Engenharia de Segurança do Trabalho, e em Avaliação e Perícias Judiciais, o primeiro mandato de Pinheiro Marques à frente do Crea-MA, foi de 2000 a 2002. No regional também foi conselheiro. No Confea, foi Controlador em 2007 e Assessor Parlamentar de 2007 a 2010. Atualmente e pela segunda vez, era diretor da Mútua, caixa de Assistência.

Pinheiro Marques, como era conhecido, deixa viúva Adigine Mendonça Marques, quatro filhos e a mãe.

 

Equipe de Comunicação do Confea

Fontes: https://www.al.ma.leg.br/noticias2/4694

https://www.cadastronacionaldeperitos.com

Free WordPress Themes - Download High-quality Templates