Home > Destaque > Crea-PE realiza primeira reunião para criação do Comitê Tecnológico Permanente

Crea-PE realiza primeira reunião para criação do Comitê Tecnológico Permanente

DSCF5487O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), Evandro Alencar, realizou, na manhã desta terça-feira, na sede do conselho, a primeira reunião para discutir a implantação do Comitê Tecnológico Permanente do Crea-PE (CTP). A proposta de criação do grupo, feita pelo presidente do Crea-PE, foi aprovada pelo plenário da casa, na sessão realizada no dia 08 de abril de 2015.

“A Criação deste comitê tem como objetivo instituirmos um fórum de discussões onde possamos antecipar as situações ligadas as áreas de nossa competência, mas, mais que isso, um grupo onde possamos discutir constantemente, não só problemas, mas também as oportunidades para as nossas profissões para que deixemos de apagar incêndios e passemos a agir proativamente, criando propostas que possam ser repassadas aos governos”, disse o presidente Evandro Alencar ao abrir a reunião.

Em seguida, o presidente informou que a ideia é, a partir da indicação de instituições de ensino, empresas de engenharia e de órgãos governamentais, obter nomes que representem com notável saber as profissões que estão no Sistema Confea/Crea e Mútua, para que se tenha um fórum forte capaz de se fazer ouvir quando opinar sobre qualquer questão que trate das áreas tecnológicas.

Para definir como se dará a implantação do Comitê, foi criada a Comissão de Organização para Implantação do CTP com representação de um membro da diretoria, um profissional convidado, um representante do quadro funcional, um representante do plenário e um representante dos inspetores que são, respectivamente, Waldir Duarte Costa Filho, Mário de Oliveira Antonino, Fábio Virgínio, Nielsen Christianne e Ernando Alves.

O professor Mário Antonino, convidado pelo presidente para este primeiro momento, agradeceu o convite e disse que “o que precisamos é incutir nos mais jovens, esse tipo de responsabilidade com o País, com a Região, com o Estado. Eu entendo que quando lidamos com elementos da ciência e da tecnologia, isso perpassa a qualquer colocação partidária. A ciência está muito acima de tudo isso. O Crea é a célula mater de onde deve sair qualquer proposta de responsabilidade para com o País, para com a Região, para com o Estado”, avaliou o professor Antonino.

Na reunião ficou definido que o jurídico do Crea-PE fará uma minuta de regulamento do CTP, que será submetida a todo o grupo para críticas e sugestões, assim como também ficou definido que, a princípio, o Comitê deverá ter representação das principais modalidades de Engenharia, podendo ser ampliado de acordo com a necessidade.

Justificativa

Na proposta encaminhada ao plenário pelo presidente Evandro Alencar, ele destaca que a formação do CTP, deverá corrigir a situação de distanciamento que está existindo entre o Crea-PE e a sociedade, fato que tem como consequência a falta de participação do Conselho nas demandas externas de assuntos relativos à Engenharia. Ainda de acordo com o documento, o comitê poderá dar respostas mais imediatas à sociedade já que contará com profissionais detentores de larga experiência profissional.

Participaram ainda da reunião o chefe de Gabinete, Joadson de Souza Santos, o superintendente, Luiz Libonati, as assessoras Jurídicas, Ana Rita Falcão e Nathalia Amorim e o assessor de Políticas Institucionais, Cristiano Silva. Após a avaliação da minuta do regulamento, o grupo voltará a se reunir na sexta-feira (30), para mais definições do Comitê que deverá ser criado até o final de julho.

Dilma Moura

ASC do Crea-PE

Check Also

Blitz do Crea nas Pontes finaliza inspeções no Recife

Mais de 20 profissionais, entre voluntários e colaboradores do Crea-PE, realizaram vistorias nas principais pontes …