Capa > Destaque > Crea-PE tem força tarefa com 760 ações na Fiscalização Dirigida

Crea-PE tem força tarefa com 760 ações na Fiscalização Dirigida

A defesa do exercício legal da profissão tem sido fortalecida pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco, Crea-PE, através da realização de uma série de Fiscalizações Dirigidas. A agenda, retomada no início de agosto com a volta parcial de atividades presenciais, já envolveu 04 regiões estratégicas, referenciadas pelas inspetorias do órgão, envolvendo quase 30 municípios e somando 760 ações até a semana passada.

Segundo a gerente de Fiscalização do Conselho, Aldenice Koga, as equipes de fiscalização atuam integradas, em força-tarefa, para verificar  o exercício profissional da Engenharia, da Agronomia, da Geologia, da Geografia e da Meteorologia no seu nível superior, de forma a assegurar a prestação de serviços técnicos ou execução de obras com participação de profissional habilitado e observância de princípios éticos, econômicos, tecnológicos e ambientais compatíveis com as necessidades da sociedade.

A ação, chamada de Fiscalização Dirigida, tem como principais focos as modalidades indicadas pelas Câmaras Especializadas, conforme o perfil produtivo de cada região, tendo sido contempladas por exemplo as de Agronomia e Pesca, no Sertão do Pajeú (Serra Talhada e região), Mecânica e Química no Agreste (Caruaru e cidades vizinhas), entre outras.

O presidente do Crea-PE, Evandro Alencar informa que as agendas seguem ritmo intenso com novas ações até o mês de dezembro. Ele apresentou detalhes das Fiscalizações Dirigidas realizadas neste segundo semestre, ressaltando que cada sede de inspetoria abaixo listada, teve uma média de mais 05 cidades vizinhas como alvo da operação. As 760 inspeções realizadas foram assim distribuídas:  

Serra Talhada: 105

Caruaru: 109

Gravatá: 163

Cabo de Santo Agostinho: 102

Palmares: 166

Free WordPress Themes - Download High-quality Templates