Abertura da reunião do CP é marcada por palestras e assinatura de convênio

DSCN5262  O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), Evandro Alencar, participa, de quarta-feira (19) até a sexta-feira (21), em Maceió (AL), da 4ᵃ Reunião do Colégio de Presidentes do Sistema Confea/Crea e Mútua, que acontece, no auditório do Hotel Jatiúca Resort. Após a abertura do encontro e as considerações dos integrantes da mesa diretiva, momento em que o anfitrião do evento, presidente do Crea-AL, Fernando Dacal, deu as boas vindas a todos os participantes e destacou a importância dos debates e a presença de representantes da indústria alagoana, teve início a realização da Palestra Magna sobre “Mitigação de Cheias e Regularização de Vazões na Região Metropolitana”, feita pelo engenheiro civil Wellington Coimbra Lou.DSCN5251

Em seguida, foram feitos os informes político-institucionais do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), do coordenador do Colégio de Presidentes (CP), dos presidentes de Creas, da Mútua e dos conselheiros federais e apreciação e aprovação das súmulas das reuniões do CP realizadas em Porto Velho (RO) e Brasília (DF).

DSCN5256Vencidos os primeiros itens, um dos pontos altos da reunião do colegiado foi a assinatura do convênio firmado entre o Confea e a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), que retoma a parceria existente desde 2012, que concede descontos para os profissionais. De acordo com o documento, os profissionais adimplentes com o Confea/Crea e Mútua têm acesso às normas técnicas via internet para consulta gratuita e, nos casos em que haja interesse, a aquisição das normas poderá ser feita com um desconto de 50%, do valor praticado.

Primeiramente, o convênio foi assinado pelos presidentes do Confea, daDSCN5262 Mútua, da ABNT e pelo presidente do Crea-AL, representando todos os presidentes de Creas. Posteriormente, os presidentes de cada regional assinaram o documento que dará os direitos estabelecidos no dispositivo legal, aos profissionais do estado do qual é representante, a exemplo do que fez o presidente do Crea-PE, Evandro Alencar.

Até o dia 21, serão debatidos muitos assuntos de interesse dos profissionais do Sistema, dentre os quais, a proposta feita pelo presidente do Crea-PE, Evandro Alencar, quanto à realização, no âmbito do Fórum dos Creas do Nordeste, do “Seminário Riquezas e Oportunidades no Semiárido”. Ainda na pauta do encontro nacional, proposta para alteração de resoluções, auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU), inserção do título de tecnólogo em Engenharia de Segurança do Trabalho, na tabela de títulos profissionais, entre outros.

Além das lideranças do Sistema, representantes de todos os estados da Federação, também presentes ao evento, o vice-prefeito de Maceió, Marcelo Palmeira, o deputado e agrônomo Inácio Loiola, o presidente do Sindicato da Indústria e Construção Civil de Alagoas (Sinduscon-AL), Alfredo Breda, o superintendente do Sebrae, Marcos Vieira, e o vice-presidente da Federação da Indústria do Estado de Alagoas, José Nogueira.

Mercado de trabalho

DSCN5258No período da tarde, a reunião foi reiniciada com a apresentação da palestra sobre as “Novas Perspectivas para os Profissionais da Engenharia a partir da Lei Anticorrupção”, feita pela advogada Mariangélica de Almeida. Na oportunidade, a palestrante tratou da importância dos profissionais do Sistema para que haja o cumprimento do que está determinado no dispositivo legal que, em linhas gerais, exige que sejam realizados serviços que cabem aos profissionais do Sistema Confea/Crea e Mútua e, o consequente, Registro das Anotações de Responsabilidade Técnica (ART) dos serviços que serão prestados.

A análise dos desdobramentos que podem acontecer em decorrência do cumprimento das exigências legais, se dá num momento em que uma grave crise econômica se instala em diversos setores, sobretudo, na construção civil, o que faz com que a notícia chegue como o prenúncio de uma luz no fim do túnel capaz de antecipar a superação de tempos ruins.

Por fim, o presidente do Crea-RO, Nélio Alencar, apresentou filme institucional mostrando a experiência de uma fiscalização feita a partir de imagens aéreas captadas por drones, realizada na cidade de Candeias do Jamari. Defendendo a ferramenta como importante instrumento de trabalho, o presidente estima que, com a utilização do equipamento, será possível melhorar a qualidade do trabalho de fiscalização e aumentar a arrecadação do Regional.

Dilma Moura

ASC do Crea-PE