Crea-PE implanta novo sistema operacional a partir desta terça-feira

SitacO Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco  (Crea-PE) implanta, a partir desta terça-feira (03), um novo sistema informatizado que tem como objetivo proporcionar mais agilidade, além de estreitar a relação entre o Conselho, instituições de ensino e entidades de classe e profissionais. Com o Sistema de Informações Técnicas e Administrativas do Crea (Sitac) todos os serviços oferecidos pelo Crea serão disponibilizados de forma online.

De acordo com o sócio-proprietário da TechnoTech, empresa proprietária, o analista Silvano Maia Dantas, entre os principais serviços oferecidos pelo novo sistema destacam-se: solicitação de registro de profissional e de empresa, realização de denúncias, criação de protocolos diversos, pedido e recebimento de certidões (acervo técnico, registro e quitação) e preenchimento/emissão de Anotações de Responsabilidades Técnicas (ARTs).

Além desses serviços, os profissionais e empresas poderão solicitar no sistema a impressão de seus respectivos boletos para pagamento de anuidades, realizando, inclusive, negociação online em relação a seus débitos e/ou obrigações junto ao Conselho. Verificação de autenticidade de documentos como Certidões, ARTs e registros profissionais são outros serviços abertos e destinados a sociedade em geral.

Outro diferencial do Sitac, tanto para os colaboradores do Conselho quanto para profissionais e empresas, é a possibilidade de acesso ao sistema através de dispositivos móveis, como tablets e smartphones. Tal funcionalidade permite um atendimento mais dinâmico e com recursos atualizados, reduzindo o tempo de atendimento e a utilização de papel, já que todos os processos serão tratados de forma virtual. “A partir da implantação do SITAC não haverá manuseio físico dos processos, sendo possível sua análise com mais celeridade e menos custo”, disse o gerente de Controle e Processos, Fábio Virginio.

SITAC

O novo sistema foi eleito em 2014, a partir de análise dos gestores dos CREA’s de todas as regiões do país, como o melhor programa de tecnologia de informação para atender as demandas do Sistema Confea/Crea, pois gerencia documentos ligados às rotinas técnicas, administrativas e operacionais do Conselho.

Outros regionais que já aderiram ao programa foram: Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Rio Grande do Norte, Roraima, Sergipe e Tocantins. O Sitac também é utilizado por algumas prefeituras e pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU).

Silvano ressalta que a tecnologia usada no Sitac possibilita ao profissional alterar os dados antes de concluir o processo de registro de suas ARTs, ação que hoje não é possível. Ele acrescenta que com o sistema o profissional poderá cadastrar todos seus contratantes previamente, evitando digitar novamente os dados durante preenchimento das suas ARTs.

Um dos maiores avanços, de acordo com Silvano, é a possibilidade do profissional solicitar, através do Sitac, a Certidão de Acervo Técnico (CAT), tendo ainda uma ferramenta de acompanhamento e impressão de forma transparente sem sair de casa ou do escritório. “Com o Sitac, além de solicitar, o profissional pode acompanhar e receber sua certidão sem sair de casa”, enfatizou Silvano.