Home > Geral > Déficit de profissionais é também qualitativo

Déficit de profissionais é também qualitativo

deficitdeprofissionais“A escassez de engenheiros no país não é apenas quantitativa”, afirmou Bruno César Pino Oliveira de Araújo, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), que palestrou na tarde de quarta-feira (31). Segundo ele, o déficit ocorre por diversos fatores, como desmotivação na carreira e queda na qualidade do ensino. “Não basta formar pessoas. É preciso qualidade e motivação”, defendeu.

Outro problema apontado por ele é a concentração regional do emprego, o que contribui para o adensamento da industrialização. “Problemas por região enfrentados pelos formandos em Engenharias são tradicionais e refletem a distribuição dos bons cursos ao redor do País”, frisou. “Pelo menos em teoria, a migração pode resolver o problema, mas é de se esperar o ajuste do mercado de trabalho”.
Equipe de Comunicação da 73ª Soea

Check Also

Presidente do Crea-PE faz mensagem especial na finalização do CP

Em Brasília, nesta quarta-feira, 02.12, durante reunião de finalização do CP- Colégio de Presidentes, Evandro …