Capa > Destaque > Potencialidades do semiárido são debatidas na abertura do Seminário Sobre Riquezas e Oportunidades

Potencialidades do semiárido são debatidas na abertura do Seminário Sobre Riquezas e Oportunidades

abertura_seminarioPetrolinaConhecer as riquezas e descobrir as oportunidades do semiárido. Com essa proposta, o presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), Evandro Alencar,  promove até esta terça-feira (07), em parceria com a Caixa de Assistência aos Profissionais do Crea (Mútua-PE), o 2° Seminário Riquezas e Oportunidades no Semiárido. Na noite de abertura, nesta segunda-feira (06), no Quality Hotel Petrolina,  estiveram presentes, além do chefe de Gabinete, Joadson de Souza Santos, do conselheiro Waldir Duarte Costa Filho, e dos diretores da Mútua-PE, Marcelo Tabatinga e Augusto Nogueira, o secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Geraldo Júnior.

Na abertura do evento, Evandro destacou a importância do evento para a região. “Essa é a chance de olharmos não só para as riquezas, que já conhecemos, mas também é a chance de descobrirmos as potencialidades da região”, afirma Evandro. Em sua fala, o presidente também destacou que a realização do evento em Petrolina é a primeira ação do projeto Crea na Estrada. “Após desenvolvermos o Terça no Crea, projeto de valorização e capacitação profissional realizado na sede do Conselho, tivemos a idéia de levar os debates técnicos para outras regiões do Estado”, explica Evandro.

Segundo o presidente, ações como o Seminário demonstram a importância da interiorização do Conselho. “Essa gestão está empenhada em levar o Crea para todo o Estado. Como diz nosso slogan, é do Litoral ao Sertão, uma só gestão. Prova disso é a ampliação do número de encontros microrregionais do Congresso Estadual de Profissionais. Vamos a todos os profissionais do Sistema Confea/Crea e Mútua”, afirma.

Em seguida, o diretor regional da Caixa de Assistência aos Profissionais do Crea (Mútua-PE), Augusto Nogueira, deu as boas vindas e fez um breve relato sobre a existência da Mútua e os seus benefícios. Segundo o diretor, a parceria entre Crea-PE e Mútua-PE está rendendo bons frutos no Interior do Estado. “Nunca na história da Mútua, ela esteve tão próxima do Conselho. Estamos indo juntos, para todos os lugares de Pernambuco, preocupados em torná-la conhecida e utilizada pelos profissionais”, ressaltou Nogueira.

Já o representante do prefeito de Petrolina, Júlio Lóssio, o  secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Geraldo Júnior, falou da importância de debates técnicos para os profissionais da cidade. “Eventos como estes nos levam a pensar a cidade. E pensar a cidade é muito mais que pensar as estradas da cidade, pensar as árvores da cidade, pensar o tráfego da cidade. Pensar a cidade é pensar o conjunto”, destacou Geraldo Júnior.

IMG_1614Dando continuidade ao seminário, o engenheiro civil e professor Mário Antonino, membro do Comitê Tecnológico Permanente (CTP), fez palestra de abertura do evento. Com o título “”Estratégias para um Melhor Aproveitamento dos Recursos Naturais do Semiárido”, o especialista destacou a necessidade de se aproveitar melhor o que a região do semiárido tem para oferecer. “É preciso abrir os olhos e querer enxergar o que a região nos deixa de legado”, afirmou. Após a palestra de abertura foi oferecido um coquetel.

TV
No início dos trabalhos do Seminário, o presidente do Crea-PE, Evandro Alencar, concedeu entrevista para o jornal GRTV, principal telejornal da região de Petrolina. Na ocasião, ele falou sobre a importância do evento e fez um convite para todos os profissionais das áreas tecnológicas e também sociedade civil.

 

Rui Gonçalves
ASC do Crea-PE

Free WordPress Themes - Download High-quality Templates