Home > Destaque > Tecnologias de Pescas Oceânicas e suas funcionalidades foram discutidas no auditório do Conselho

Tecnologias de Pescas Oceânicas e suas funcionalidades foram discutidas no auditório do Conselho

Na noite de ontem (15), no auditório do Conselho, alunos e profissionais participaram da palestra “Tecnologia usada na Pesca Oceânica”. A explanação contou com o palestrante, o Engenheiro de Pesca pela UFRPE, Mestre e Doutor em Oceanografia Biológica pela UFPE, com especialização em Ciências Pesqueiras no Japão e Pesca de Profundidade na Coreia do Sul, Vanildo de Souza Oliveira.

Na ocasião, Vanildo, falou sobre a aquicultura na América Latina e como está o crescimento da mesma para os próximos anos. “Só na América Latina, a aquicultura deverá crescer 40% até 2025, para 3,7 milhões de toneladas. Só o Brasil deve crescer 104%, nas estimativas da FAO, maior aumento da região, seguido de México (54,2%) e Argentina (53,9%) durante a próxima década”, afirmou.

“Estudo realizado pela Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO/ONU), estima que em 2030 o déficit de pescado no mundo atingirá 100 milhões de toneladas”, completou.

Durante a palestra foram apresentadas as novas tecnologias usadas para detecção de cardumes, como o Ecossonda, o Ecointegrador e o Slide Scan.

Após a palestra os participantes tiraram dúvidas e debateram sobre o tema.

Check Also

Curso on-line de Projetos Telefônicos, Internet e Antena de TV (Predial) com 30% de desconto

A empresa Paço Coworking, empresa parceira do CREA-PE, abre inscrições para o curso on-line de …