Fórum debate as perspectivas para a engenharia no pós-pandemia

Encontro acontece na quinta-feira (22), em formato virtual, às 19h, tendo o presidente do Confea, Joel Krüger, como palestrante

Com o avanço da vacinação contra a Covid-19 e a redução das taxas de contágio, o mundo caminha para retomar suas atividades. O que esperar dessa nova realidade? Com essa provocação, o Fórum da Engenharia Civil realiza nesta quinta-feira (22) seu encontro mensal para abordar a “Perspectiva para a Engenharia no Pós-Pandemia”.

O tema da palestra será apresentado pelo presidente do Confea, Joel Krüger. O debate terá a participação do presidente do Crea-PE, Adriano Lucena, e da coordenadora da Comissão Estudantil do Crea Júnior, Eunnyce Gabriella Freitas Gomes. A mediação ficará por conta de Marcos Maciel, coordenador do Fórum, que é uma realização da Câmara Especializada de Engenharia Civil (CEEC), também sob a coordenação de Maciel.

As perspectivas para a engenharia civil, num levantamento feito pela consultoria de recrutamento e seleção Robert Half, são favoráveis para este ano. Um alento para o setor que amargou grandes perdas com as paralisações. Pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) revela que a crise formada durante a quarentena pelo novo coronavírus levou à redução ou à paralisação de 76% da indústria brasileira.

Para 2021 e 2022, dentre setores de tecnologia, saúde, agronegócio, infraestrutura e logística, a profissão que mais se destaca é a engenharia, com cargos como comprador, engenheiro de aplicação, diretor de operações, gerente de supply chain e gerente de projetos, conforme o levantamento da consultoria.

FÓRUM
O Fórum da Engenharia Civil realiza seu segundo encontro nesta quinta. Ele surgiu com a demanda de criar um espaço para abrigar reuniões para debater a engenharia civil com temas relevantes à modalidade, com a participação de especialistas nos assuntos em destaque. O encontro será transmitido ao vivo pela TV Crea-PE, pelo YouTube.