Arborização urbana será discutida até sexta-feira em Petrolina

 

Começou na noite desta quarta-feira (31) o 3º Seminário Pernambucano de Arborização Urbana na cidade de Petrolina, no Sertão do Estado. O evento continua até a sexta-feira (02) com palestras de profissionais renomados no País que trabalham com a arboricultura urbana. Na abertura estiveram presentes o coordenador da Comissão Permanente de Meio Ambiente do Crea-PE (CPMA), Tadeu Pontes, o diretor do Crea-PE, Alexandre Krause, o secretário de Meio Ambiente do município, Geraldo Júnior, o coronel do 72º Batalhão de Infantaria Motorizada, Helvétius Marques, o presidente da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana (SBAU), Ricardo Martins, e o inspetor do Crea-PE da regional Petrolina, Urbano Lins.
O objetivo do encontro é difundir conhecimento, discutir e trocar experiências sobre assuntos relacionados à arboricultura. “Nosso trabalho é desenvolver e disseminar conhecimento técnico científico. Estamos trazendo colegas de outros estados com experiências importantes para mostrar aqui. Vale ressaltar que Petrolina está muito carente de arborização. Isso dá para perceber quando chegamos à cidade, no percurso do aeroporto ao centro mal vemos uma árvore. Por isso vamos procurar, durante o seminário, chamar a atenção da responsabilidade dos gestores públicos para o manejo adequado dentro das normas e padrões técnicos científicos para a arboricultura.”, disse o coordenador da CPMA e do evento, Tadeu Pontes.
O secretário de Meio Ambiente de Petrolina, Geraldo Júnior, destacou as parcerias realizadas pela prefeitura com o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e o Exército Brasileiro. “Estamos efetuando um controle maior para a comercialização de produtos químicos junto ao MPPE. Com o 72º Batalhão do Exército produzimos mudas de espécies nativas e desenvolvemos um projeto de educação ambiental em oito escolas municipais. Esse seminário é importantíssimo porque nosso objetivo é aprender mais sobre a arboricultura urbana”, pontuou o secretário que representou o prefeito de Petrolina, Júlio Lossio (PMDB-PE).
Representando o presidente em exercício do Crea-PE, Arnaldo Cardim, o engenheiro agrônomo e diretor do Conselho, Alexandre Krause, ressaltou a importância de não só gestores públicos, mas toda a população se voltar para a arboricultura, a qual está diretamente ligada à melhoria da qualidade de vida das pessoas. “Seria ótimo se todo mundo colocasse em prática tudo que será abordado e debatido neste seminário”, falou Krause. Já o coronel Helvétius Marques lembrou o compromisso do Exército com o Meio Ambiente. “As forças militares tem também a vocação de proteção ao Meio Ambiente. O Exército representa um grande defensor da natureza com a ajuda da preservação. Procuramos também ser pró-ativos. Quando chegamos a Petrolina, plantamos árvores nativas nas principais ruas da cidade e estimulamos a população a plantar em uma parceria com a prefeitura”, disse.  
O inspetor do Crea-PE, Urbano Lins, citou a necessidade de preservar e plantar mudas de árvores na cidade. “Quem mora aqui sabe o clima inóspito em que vivemos. Uma árvore absorve grande quantidade de calor e isso é importante para vivermos melhor, informou. Segundo José Ricardo Martins, presidente da SBAU, é preciso aplicar o conhecimento técnico para propiciar o retorno da biodiversidade. “Não se pode plantar aleatoriamente. Com certeza, os participantes sairão deste seminário com outra consciência, inclusive da parte prática”, destacou o engenheiro agrônomo que também proferiu a palestra “A importância e participação da SBAU no contexto da arboricultura urbana”. Durante a apresentação, Martins deu ênfase nas ações da SBAU, abordou os problemas que acontecem com a arboricultura e explicou sobre como aliar os elementos arquitetônicos aos vegetais.
Temas como a inserção da educação ambiental na arboricultura, manejo integrado entre árvores e rede elétrica, acessibilidade e licenciamento ambiental serão abordados nos dois dias do encontro. Outro assunto que ganhará destaque na discussão promovida pelo evento será o Novo Código Florestal. 
O Seminário de Arborização Urbana é uma realização da Comissão Permanente de Meio Ambiente (CPMA) do Crea-PE, em parceria com a Sociedade Brasileira de Arborização Urbana (SBAU) e a Associação dos Engenheiros Agrônomos de Pernambuco (AEAPE). O evento tem por interesse reunir profissionais da região na área da agronomia, gestores públicos e estudantes para a discussão do manejo correto e harmônico da arborização urbana.
 Serviço:
3º Seminário Pernambucano de Arborização Urbana
Dias 31/08, 01 e 02 de setembro
Local: SEST/SENAT – Rua Zito de Souza Leão, 10, Km 02, Petrolina – PE
Abaixo segue a programação completa:
31/08/11 – Quarta-feira
19h30 – Cerimônia de Abertura – Júlio Lóssio, Prefeito do Município de Petrolina; Geraldo Francisco Júnior, Secretário de Meio Ambiente de Petrolina; Eng. Civil Arnaldo Cardim de Carvalho Filho, Presidente em exercício do CREA-PE; e Eng. Agrônomo Tadeu Viana de Pontes, Coordenador da CPMA do CREA-PE e Diretor de Gestão da SBAU.
20h15 – Palestra Magistral A Importância e Participação da SBAU no contexto da Arboricultura Urbana – Eng. Agron. Prof. e Msc José Ricardo Martins da Silva, presidente da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana – SBAU.
21h – Coquetel
01/09/11 – Quinta-feira
08h – Credenciamento
08h45 – Palestra Manejo da Arborização nas Cidades – Acessibilidade/Serviços Públicos – Eng. Florestal Alessandra Cristina de Oliveira G. Veloso, da Fundação de Parques e Jardins da Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro
09h30 – Palestra Programa PREMIAR – CEMIG – Programa Especial de Manejo Integrado de Árvores e Redes Elétricas – Carlos Alberto de Sousa, coordenador do Programa – MG
10h15 – Coffee Break
10h30 – Palestra A Poda das Árvores Urbanas e o Processo de Compostagem Otimizada – administrador Rogério Ribeiro, diretor da Sanvale Gestão Ambiental e Sanpack Logística Reversa Ambiental Ltda, Petrolina-PE.
11h15 – Palestra Institucional da Mútua – Caixa de Assistência dos Profissionais do Sistema, por Luiz Fernando Cavalcanti de Albuquerque, supervisor da Mútua em Pernambuco
11h30 – Debate
12h – Almoço – Livre
14h – Palestra Utilização da Irrigação em Áreas Verdes – Eng. Agrônomo Urbano
da Costa Lins, Inspetor Coordenador da Inspetoria Regional de Petrolina.
14h45 – Palestra Educação para o Desenvolvimento Sustentável – Um Novo Olhar para a Arborização Urbana, biólogo, Msc e Doutor Marco Aurélio Locateli Verdade, diretor do Centro de Educação Ambiental; e a bióloga e pedagoga, Tatiani Roland Szelest, coordenadora do Programa de Educação Ambiental, ambos do Centro de Educação Ambiental da Secretaria de Educação do Rio Grande do Sul.
16h – Coffee Break
16h15 – Palestra Os Impactos do Novo Código Florestal, Eng. Florestal Marcílio Viana Luna Filho, presidente da Associação Pernambucana de Engenheiros Florestais – APEEF
17h – Palestra Institucional do SENGE-PE – Sindicato dos Engenheiros do Estado de Pernambuco, Eng. Civil Gaio Camanducaia Fernandes Barrocas, diretor Regional Metropolitano
17h20 – Debate
18h – Jantar – Livre
02/09/11 – Sexta-feira
08h – Mesa Redonda sobre Licenciamento Ambiental, Eng. de Pesca, Msc. Doutor Renaldo Tenório de Moura, presidente da Associação dos Engenheiros de Pesca de Pernambuco – AESPE e gerente da Divisão de Gestão Ambiental da CHESF; e o Eng. de Pesca, Msc. Assis Lins de Lacerda Filho, Agência Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos – CPRH
10h – Coffee Break
10h15 – Mesa Redonda sobre Licenciamento Ambiental, Geraldo Francisco Júnior, secretário de Meio Ambiente de Petrolina.
11h – Palestra Institucional da Construtora Norberto Odebrecht S/A.
11h30 – Debate
12h – Almoço – Livre
14h – Palestra Tecnologia da Informação/Meio Ambiente – TI Verde, Rolmes Medeiros de Carvalho Júnior – PSS/IBM
14h30 – Carta de Petrolina
15h30 – Encerramento
Vanessa Bahé
ASC Crea-PE