Arnaldo Cardim representará o Crea-PE em evento internacional

 

 

 

Recife, 17 de setembro de 2012 – O engenheiro civil Arnaldo Cardim participa, de domingo a sexta-feira (23 a 28/09), em Havana/Cuba, de evento realizado pelo Governo Cubano sobre o tema “Reunión Cuba-Brasil en los Temas de la Educación, Ciencia, Tecnología, Innovación, Calidad de Vida y Medio Ambiente (CBS21)”. Na reunião temática Brasil/Cuba para o Século 21, Cardim participará como representante da Universidade do Estado de Pernambuco (UPE) apresentando trabalho realizado sobre Análises de modelos de desenvolvimento metropolitano e territorial do Recife e Estudo de sistema de abastecimento de água e seus impactos sócio ambientais. Como conselheiro do Crea-PE, representará institucionalmente o Conselho, por delegação do Plenário. 

 

Segundo o engenheiro, a dinâmica do encontro prevê a apresentação de trabalhos que possam gerar parcerias entre os dois países. No evento serão apresentados trabalhos de aproximadamente 60 brasileiros e mais 60 projetos desenvolvidos por cubanos.

De acordo com os objetivos e metas constantes do trabalho, o projeto propõe análises do sistema de abastecimento de água da Região Metropolitana do Recife, buscando eficiência associada ao cuidado com o meio ambiente. Para tanto, de acordo com os autores, será necessário realizar uma caracterização do espaço estudado avaliando dados como densidade habitacional, nível econômico e educacional e evolução das habitações. Será necessária ainda, uma representação da geologia e da topografia do espaço estudado. Todos esses dados permitirão uma maior compreensão para quantificar e qualificar os elementos estudados.

Para tanto, poderão ser classificadas grandes metas a serem analisadas como: mapear o sistema de abastecimento de água da Região Metropolitana do Recife, detectando as áreas más críticas; analisar os impactos na qualidade da água ocasionados pelo uso e ocupação do solo no entorno dos reservatórios utilizados no abastecimento da RMR; construir planilhas comparativas entre regiões metropolitanas sobre a gestão dos recursos hídricos e da qualidade socioambiental; aspectos meteorológicos, geológicos e topográficos; Elaboração de um GIS contendo todos os dados tratados, criando assim, um banco de dados para posteriores trabalhos e análises.

Mais informações, sobre o projeto que teve ao todo nove autores, incluindo o Arnaldo Cardim, podem ser obtidas no site do evento: www.cbs21.com.br.

Dilma Moura

 

ASC do Crea-PE