Crea-PE recebe novos profissionais lembrando a importância de todos para o desenvolvimento do P

Em mais uma noite solene, o presidente do Crea-PE, José Mário Cavalcanti entregou, ontem (10), os registros de aproximadamente 60 profissionais dos mais diversos cursos das áreas tecnológicas do Sistema Confea/Crea/Mútua. Nas suas palavras iniciais José Mário parabenizou a todos e desejou as boas vindas ao maior Conselho Profissional do mundo com aproximadamente 1 milhão de associados em todo o País.

Na solenidade os presidentes do Clube de Engenharia de Pernambuco (CEP), Alexandre Santos, da Associação Profissional dos Geólogos de Pernambuco (AGP), Antônio Christino, do Sindicato dos Arquitetos de Pernambuco (Saepe), Franscisco Buarque de Gusmão Neto, do diretor do Sindicato dos Engenheiros de Pernambuco (Senge), Gaio Camanducaia, do presidente do Sindicato dos Técnicos Industriais de Pernambuco (Sintec-PE), Jessé Lira, do presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Pernambuco (AEAPE), Antônio Ferreira Filho além do diretor Geral, da Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea (Mútua) Henrique Lins e o superintendente do Conselho, Osvaldo Fonsêca, compuseram a mesa juntamente com o presidente.

Um a um, os representantes de entidades falaram um pouco sobre as instituições que dirigem, assim como, sobre as profissões que representam, sempre passando um pouco de suas experiências e, ressaltando a importância de serem responsáveis e éticos no cumprimento de suas atividades profissionais.O superintendente Osvaldo Fonsêca fez apresentação sobre o funcionamento do Sistema Confea/Crea/Mútua e sobre a importância do registro profissional e da Anotação de Responsabilidade Técnica (ART).

Assim, o técnico em Segurança do Trabalho, Ronaldo José da Silva, pediu para falar um pouco de suas escolhas profissionais dizendo que, graças a tudo o que estava ouvindo e conhecendo na solenidade, tinha ainda mais certeza de que havia escolhido o caminho certo para sua vida profissional.

Por fim, o presidente mais uma vez se dirigiu aos profissionais dizendo que, é a partir do registro que todos ingressam no Sistema Confea/Crea/Mútua e que, efetivamente, podem iniciar suas vidas como profissionais. Lembrou a todos a obrigação de, no desempenho de suas profissões, serem éticos, responsáveis, corretos e dignos.

O presidente falou ainda, com otimismo, do excelente momento por que passa o Estado de Pernambuco com suas obras estruturadoras e seu crescimento, destacando que as áreas tecnológicas são as mais beneficiadas, assim como, são também as responsáveis, em grande parte, pelo desenvolvimento do Brasil onde, 70% do Produto Interno Bruto passa pelas mãos dos profissionais do Sistema Confea/Crea/Mútua.

Dilma Moura

ASC do Crea-PE