Candidatos à presidência do Confea participam de debate no Recife

Os candidatos à presidência do Confea – Álvaro Cabrini, Francisco Machado, José Tadeu da Silva e Luis Fernando Buch – foram convidados para debater novamente as propostas para o sistema profissional, no próximo dia 18 de outubro, dentro da programação do 17º Congresso Brasileiro de Engenheiros Civis (Cebenc), que ocorre no Recife, de 16 a 19 de outubro.

 

Além do debate entre os presidenciáveis do Confea no dia 18, no dia 17 os candidatos à presidência do Crea-PE – Adriano Lucena, José Mario Cavalcanti e Roberto Freire – também discutirão propostas para o sistema profissional.

Com o tema principal “Meio Ambiente Sustentável: prevenção e minimização de catástrofes”, o congresso terá exposição de obras e serviços de Engenharia, conferências e painéis que tratarão de desenvolvimento regional sustentável, ética, inovação, desenvolvimento sustentável da construção civil, energia, futuro do engenheiro civil, catástrofes naturais e antropogênicas, defesa civil, Copa do Mundo, mobilidade urbana, entre outros.

 

O presidente do departamento de Pernambuco da Associação Brasileira de Engenheiros Civis (Abenc) – que organiza o evento – Marcos Maciel, afirma que , apesar de ser um congresso de engenheiros civis, qualquer pessoa pode se inscrever. “O tema é meio ambiente sustentável e prevenção de catástrofes, que interessa à sociedade como um todo. Então, por exemplo, agentes da defesa civil, independentemente de ser engenheiros civis, vão participar”, explica.

 

Acesse mais informações e faça sua inscrição


De acordo com Maciel, a Abenc nacional já realizou outros dois congressos sobre catástrofes naturais. “É um tema que estudamos e sobre o qual fazemos reuniões pela importância que tem na sociedade”, conta, ao explicar a escolha pelo tema central do 17º Congresso. Para ele, a Engenharia Civil é um elemento essencial em um programa de prevenção e recuperação de áreas degradadas pelos eventos climáticos. “Não que não existam outras áreas importantes, mas Engenharia Civl é fundamental” conclui.

A palestra de abertura, sobre desenvolvimento sustentável de Pernambuco, será feita pelo governador do estado, Eduardo Campos. Entre os palestrantes, estão previstos na programação a participação do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, do secretário Nacional de Defesa Civil, Humberto de Azevedo Viana Filho, do reitor da Universidade Federal de Pernambuco, Anísio Brasileiro de Freitas Dourado, do secretário de Recursos Hídricos e Energéticos de Pernambuco, João Bosco de Almeida, do secretário de Ciência e Tecnologia de Pernambuco, Marcelino Granja Menezes, e do secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Geraldo Júlio de Mello Filho.

No último dia de congresso, 19, a programação está exclusivamente voltada para a visita técnica ao Complexo Portuário e Industrial Governador Eraldo Gueiros – Suape, localizado entre os municípios de Ipojuca e Cabo de Santo Agostinho, em Pernambuco.

Organizado pelo departamento de Pernambuco da Associação Brasileira de Engenheiros Civis, o Cebenc tem apoio dos Creas de Pernambuco e Bahia, do Governo do Estado de Pernambuco, da Odebrecht, do Senge-PE, da Mútua-PE, da Fisenge, do Sinduscon-PE, entre outras instituições.


Beatriz Leal

Assessoria de Comunicação do Confea