José Mário Cavalcanti recebe o vereador Jurandir Liberal no Crea

O presidente do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE), José  Mário Cavalcanti, recebeu na tarde desta sexta-feira (30, a visita do vereador Jurandir Liberal (PT). Na ocasião, foram discutidas as ações para a negociação da implantação do Salário Mínimo Profissional (SMP) da categoria, instituído pela Lei 4.950-A/66, nos órgãos públicos.

Há 26 anos, o Crea-PE luta pela implantação do SMP. A atual gestão está intensificando a valorização profissional e conseguiu, na semana passada, alcançar uma de suas metas com o comprometimento do prefeito do Recife, João da Costa, em pagar acima do mínimo a todos os engenheiros. O secretário de Administração do município, Fernando Nunes de Souza, informou que a lei será sancionada pelo prefeito.

Jurandir Liberal, único engenheiro da Câmara de Vereadores que representa a categoria, esteve no Crea para manter engajada a articulação com as prefeituras de todos os municípios. “As negociações com a Prefeitura de Olinda já estão bem avançadas”, informou José Mário Cavalcanti, presidente do Crea. “É de extrema importância que o setor público sinalize positivamente pela aplicação do SMP, eles são os principais responsáveis pelo desenvolvimento e construção da infraestrutura do País”, complementou.

Com a fixação do SMP, a remuneração mínima para os profissionais das áreas tecnológicas será de seis salários mínimos para seis horas de trabalho. Uma das principais conquistas dos profissionais, o SMP garante aos engenheiros, arquitetos, agrônomos, químicos e médicos veterinários um salário mínimo proporcional à jornada de trabalho e à duração do curso no qual o profissional se graduou. “Hoje há uma variação de salário grande e existem muitos profissionais ganhando menos que o mínimo. Queremos acabar com essa prática”, comenta o presidente do Crea-PE, José Mário Cavalcanti.