Projeto Pensar o Brasil e as Américas realiza seminário no início de maio

Com objetivo de discutir as perspectivas do setor agropecuário para os próximos anos, o núcleo de Goiás do Projeto Pensar o Brasil e as Américas receberá nos dias 5 e 6 de maio o seminário da região Centro-Oeste do projeto. Com tema principal “Os Desafios da Agricultura Brasileira no Século XXI”, o seminário será norteado por três painéis: Agricultura e Segurança Alimentar e Nutricional; Agronegócio e Dinamismo da Agricultura Brasileira; e Agronegócio e Agricultura e Meio Ambiente – encontros e desencontros. O evento ocorrerá no auditório do Crea-GO.

O seminário é uma das primeiras ações realizadas em 2011 pelo Projeto Pensar o Brasil, que neste ano ganhou “e as Américas” em seu nome e em seu escopo. Além do seminário da Região Centro-Oeste, na próxima sexta-feira, 31/3, o núcleo de Sergipe realiza uma série de debates em Aracaju sobre energia nuclear (que ocorrerão na Assembleia Legislativa, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe e na Faculdade Pio Décimo). De acordo com o coordenador do Projeto, Paulo Bubach, o núcleo de Goiás também está em ação e articula a participação do Projeto em um evento sobre mobilidade urbana promovido pela Associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP), em Goiânia, que ocorrerá em agosto.

Ações do Projeto para 2011

Outra função do Projeto Pensar o Brasil e as Américas, além dos seminários, é acompanhar os trabalhos nos núcleos estaduais, que atualmente somam 14 (Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Espírito Santo, Paraná, Rio de Janeiro, Goiânia, Rondônia, Pará, Santa Catarina e Rio Grande do Sul). “Estamos instalando também os núcleos do Amazonas, Roraima e Minas Gerais – que já estão bem adiantados – e iniciando as discussões sobre os núcleos do Distrito Federal, Ceará e Piauí”, afirmou Paulo Bubach, coordenador do Projeto. Bubach explicou que o Projeto Pensar o Brasil e as Américas tem trabalhado com os Creas Juniores e com o projeto de Fortalecimento das Entidades e Valorização Profissional.

Além do seminário na região Centro-Oeste (as outras quatro regiões brasileiras receberam eventos do Projeto em 2010), o Projeto tem como produto a distribuição de cinco cartilhas sobre o desenvolvimento sustentável brasileiro, a implementação e reestruturação dos núcleos estaduais em conjunto com os coordenadores estaduais e a implantação de três novos núcleos estaduais.

Beatriz Leal

Assessoria de Comunicação do Confea