Crea-PE tem representação em congresso internacional sobre sustentabilidade e habital de interesse social

O engajamento em questões que atingem diretamente a qualidade de vida das pessoas, em especial às de baixa renda, e o convênio de cooperação técnica que está em andamento entre o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE) e a Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, com vistas à criação de um Grupo de Trabalho (GT) para a execução de um trabalho de levantamento dos prédios do tipo caixão construídos no município, foi um dos fatores que motivaram a indicação, pela diretoria do Crea-PE, do presidente em exercício Arnaldo Cardim, para participar do 3º Congresso Internacional sobre Sustentabilidade e Habitação de Interesse Social, ocorrido em Porto Alegre (RS) de 28 a 30 de abril.

congressoSobre o encontro Internacional, Cardim destacou a palestra de abertura do Arquiteto e Urbanista que coordena o projeto Habitat da Organização das Nações Unidas (UNHabitat), com sede no Kenya, sobre Políticas Públicas em habitação de interesse social e regularização fundiária. “A opinião do palestrante converge com a nossa. Para ele, as políticas públicas nacionais ou internacionais devem ser subsidiadas pelo governo”, disse Cardim, exemplificando que, no caso dos prédios caixão ou para tratar a questão do déficit habitacional, não adianta o governo querer subsidiar parte e financiar a outra parte. “Quem precisa de política publica habitacional não tem condição de arcar com o ônus”, opinou.

A mesma opinião, de acordo com o presidente do regional pernambucano, tem o arquiteto chileno, Alejandro Aravena, que foi um dos responsáveis em encontrar soluções para o caos no Chile após os terremotos e o tsunami que atingiram o país, quando afirma que “financiamento não é solução. As políticas públicas têm que ser subsidiadas. Há de se pensar numa política social associada a uma política de subsidio, por que a questão não é tecnológica”, defendeu o arquiteto.

[box type=”note” ]O CONGRESSO
O 3° Congresso Internacional: Sustentabilidade e Habitação de Interesse Social (CHIS 2014) é organizado pelo Núcleo de Pesquisa em Habitação de Interesse Social e Sustentabilidade da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) vinculado à Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU). O Congresso caracteriza-se como evento internacional científico que aborda questões sobre políticas públicas na área da Habitação de Interesse Social e os eixos norteadores da Sustentabilidade. A terceira edição do Congresso dá continuidade às ações/reflexões desencadeadas com as realizações das edições de 2010 e CHIS 2012.[/box]

Dilma Moura

ASC do Crea-PE