Presidentes de Creas de todo o Brasil se reúnem em Foz

Presidentes de Creas de todo o Brasil estão reunidos em Foz do Iguaçu para a reunião do Colégio de Presidentes do Sistema Confea/Creas. Na pauta, temas relacionados ao exercício profissional como, legislação profissional, projetos de lei em trâmite no Congresso Nacional, fiscalização, dentre outros. "Esperamos uma reunião bastante rica em discussões e ao final propostas concretas e factíveis que possam ser levadas ao Confea e aos Creas para pronta execução", diz o coordenador do Colégio, presidente Antônio Carlos Albério, do Crea-PA.

O presidente do Crea-PR, engenheiro civil Joel Krüger, deu as boas vindas aos presidentes e demais participantes, ressaltando a importância do Estado em ser sede do debate de importantes discussões relativas ao exercício profissional. "A reunião será de grande êxito e as contribuições de todos os participantes trarão as soluções que os profissionais esperam", analisa.

O presidente do Confea, engenheiro civil Tadeu da Silva, falou sobre as dificuldades a serem enfrentadas pelos Creas em todo o Brasil. "É uma pauta bastante extensa e sem dúvida importante para o futuro da regulamentação das profissões".

A Diretoria do Crea-PR está presente no evento, juntamente com o conselheiro federal pelo Paraná, Francisco Ladaga, e seu suplente Luz Sato; a diretoria da Mútua Paraná e o presidente da Associação dos Arquitetos, Agrônomos e Engenheiros, engenheiro civil Renato Pena; presidente do Senge/PR, engenheiro Ulisses Kaniak; Osvaldo Danhoni, da Associação de Engnheiros Agrônomos de Maringá; engenheiro Carlos Rego, da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Maringá; Waldir Rosa, do Sintec; Orley Lopes, da Associação de Engenheiros Agrônomos de Francisco Beltrão; André Gonçalves, da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Cascavel; Alfredo Raeder, da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Cascavel; Antonio Carlos Dequech, Antonio Caldani e Luiz Vianna, do Senge/PR; e demais representantes de entidades de classe de diversas regiões do Estado.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Crea/PR