Capa > Arquivo > Licenciamento ambiental foi tema principal do último dia do seminário de arborização

Licenciamento ambiental foi tema principal do último dia do seminário de arborização

 

O último dia de palestras do 3º Seminário Pernambucano de Arborização Urbana foi dedicado a elaboração da Carta de Petrolina e ao tema Licenciamento Ambiental. Nesta sexta-feira (02) proferiram palestra o engenheiro de pesca Renaldo Tenório do Moura, presidente da Associação dos Engenheiros de Pesca de Pernambuco (AESPE), o engenheiro de pesca Assis Lins de Lacerda Filho, da Agência Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (CPRH) e a arquiteta Clarisbel Dantas, que representou o secretário de Meio Ambiente de Petrolina, Geraldo Francisco Júnior. Os participantes puderam ainda conferir a apresentação sobre Tecnologia da Informação – TI Verde, de Rolmes Medeiros, da IBM.
 
Na maior parte da tarde o grupo discutiu sobre a Carta de Petrolina, o documento contém propostas elaboradas a partir das questões debatidas durante o seminário e será entregue as autoridades competentes. Quanto às palestras, o doutor Renaldo Tenório iniciou sua apresentação com um contexto histórico da postura da sociedade para falar sobre o licenciamento ambiental. Falou sobre os impactos ambientais na qualidade do ar, som, água e solo, além dos sócio-econômicos e sócioambiental. “O homem perdeu o norte e em seu modelo de desenvolvimento, não sustentável, colocou o planeta em cheque em apenas 300 anos de desenvolvimento. Não investe na mitigação dos impactos”, colocou Tenório. Como solução, Tenório diz que é preciso desenvolver com sustentabilidade, qualidade e responsabilidade.
 
O engenheiro de pesca do CPRH, Assis Lins, apresentou uma reflexão sobre “Meio” Ambiente – Conflitos humanos, mudanças climáticas. Falou sobre o mal uso dos recursos ambientais e também da questão histórica das políticas ambientais. “Estou fazendo um estudo e uma comparação da época de cada lei instituída para entender melhor essa política”, disse.
 
Já a representante do município, Clarisbel Dantas, mostrou como a cidade está trabalhando com o licenciamento ambiental. A última palestra do dia, do analista de sistema Rolmes Medeiros, sobre TI Verde, mostrou, entre outros assuntos, uma proposta de um possível projeto de sistema de tecnologia da informação para o trânsito do Recife. Com o sistema em funcionamento, o condutor teria informações de locais congestionados, vagas disponíveis em estacionamentos, entre outros. Isso melhoraria o tráfego na cidade.
 
Vanessa Bahé

ASC Crea-PE  

Free WordPress Themes - Download High-quality Templates